18 de julho de 2019

Educação: recursos do iPad engajam gerações conectadas

Todo educador ou gestor escolar sabe muito bem que, mais do que nunca, é fundamental acompanhar a evolução tecnológica. Afinal, um dos principais papéis da Educação é preparar os jovens para a vida em sociedade. Portanto, nada mais natural do que utilizar recursos inovadores, condizentes com a realidade atual dos estudantes – conectada, digital, instantânea.

Mas não se trata apenas de encher uma sala de aula com dispositivos de última geração. A meta é aproveitar da melhor maneira possível as potencialidades que eles oferecem. Por isso, as soluções educacionais da Apple são imbatíveis. Com elas, as matérias tradicionais ganham cores, sons e movimentos que facilitam o aprendizado. Não há limites para a criatividade, nem para o conhecimento. A seguir, entenda por que o iPad é a melhor ferramenta para engajar os alunos e transformar o ambiente educacional.

 

Criatividade na ponta do lápis

O Everyone Can Code oferece um currículo completo, que abrange do jardim de infância à universidade. Crianças até o 5º ano do Ensino Fundamental, por exemplo, utilizam apps visuais para iPad, como codeSpark e Tynker. Assim, o conteúdo mantém caráter lúdico, aumentando o engajamento.

Graças à tela Multi-Touch do iPad, os alunos arrastam, juntam e encaixam objetos com apenas um gesto. É o verdadeiro aprendizado hands on! O dispositivo também oferece recursos de realidade aumentada, mesclando imagens virtuais ao mundo real para tornar a experiência superinterativa. Além disso, o iPad 6ª geração e o iPad Pro suportam o Apple Pencil (vendido separadamente), assegurando precisão às tarefas. Assim, os estudantes podem fazer anotações e desenhar os próprios projetos com total liberdade criativa.

 

Relatórios com personalidade

Nem só de experiências empíricas vive o aprendizado. Chega um momento em que é necessário sintetizar o conhecimento adquirido e compartilhá-lo com o professor e/ou com os colegas. Entram aí as potencialidades do iWork. No Pages, o aluno consegue criar documentos superatrativos, com fotos, filmes ou gráficos. Já com o Numbers, é possível dar vida a tabelas e gráficos interativos, facilitando ainda mais a leitura. Sem falar do Keynote, com ferramentas que ajudam a criar apresentações incríveis. Tudo disponível gratuitamente para 100% dos usuários da Apple, sem custos de assinatura ou licenciamento.

Como se sabe, não há limite para a criatividade de um estudante munido das ferramentas certas. É por isso que os apps do iWork para iPad também são compatíveis com o Apple Pencil. Assim, o usuário pode incluir anotações e ilustrações à mão livre, dando toque pessoal ao projeto. Além disso, a colaboração em tempo real permite que os alunos trabalhem conjuntamente, usando Mac, iPad, iPhone e até PC. Tudo fluido e sem engasgos, ao melhor estilo Apple.

 

iPad 6ª geração: a reinvenção do caderno

Nenhum outro dispositivo é capaz de oferecer desempenho, portabilidade e facilidade de uso iguais aos do iPad. Em sua sexta geração, oferece ainda mais praticidade ao dia a dia escolar – graças à compatibilidade com Apple Pencil. Assim, os alunos experimentam interações absolutamente naturais não apenas com os dedos ou teclado, como também por meio do acessório.

Com o Apple Pencil, os estudantes descobrem novos horizontes digitais ao escrever, desenhar e soltar a imaginação. Ou seja, contam com uma nova e poderosa ferramenta educacional. E, mesmo com altíssima tecnologia, sua usabilidade é natural e intuitiva, unindo a sofisticação do computador à simplicidade do lápis. Preciso e cheio de recursos, o Apple Pencil tem autonomia de bateria para até 12 horas de uso. E ainda pode ser recarregado rapidamente no próprio iPad.

 

Recursos para alunos e professores

Se existe uma palavra para definir o iPad, é versatilidade. São mais de 170 mil apps para Educação, abrangendo todas as faixas etárias. A App Store disponibiliza jogos que são ideais para crianças pequenas. Além de divertidos, estimulam a memória, o raciocínio lógico e a cognição como um todo.

Nas séries iniciais, os professores propõem atividades para ensinar o alfabeto ou as operações matemáticas de um jeito superinterativo. Mais adiante, as aulas de Geografia e de Ciências também podem aproveitar recursos do dispositivo. O Mapas é excelente para viajar por diversas cidades, com direito a visualizações 3D. Já vídeos e animações ajudam a perceber como funcionam as reações químicas ou o comportamento dos animais. As possibilidades são tantas que uma aula nunca será igual à outra.

Há aplicativos de iPad específicos para educadores. Eles ajudam a monitorar o desempenho de cada aluno, possibilitando ajustes no plano de aulas sempre que necessário. Assim, o conteúdo pode ser personalizado de acordo com as necessidades do estudante. Além disso, recursos de acessibilidade permitem a inclusão de jovens com algum tipo de deficiência.

As atividades escolares se adaptam ao ritmo de aprendizado e às condições físicas do usuário. Ou seja, o iPad oferece uma experiência individualizada para que todos os colegas possam desenvolver suas potencialidades.

Quer saber mais sobre tecnologias capazes de adequar o ensino às novas realidades? Então clique aqui e contate agora mesmo um especialista da iPlace Educacional!

Foto: iStock/shironosov

Download (PDF)