7 de janeiro de 2021

Gerenciamento remoto: saiba como adotá-lo em sua escola

Em todos os tipos de organização, é essencial que se tenha um eficiente sistema de gerenciamento de dispositivos. Aliás, isso é especialmente verdadeiro no caso das instituições de ensino. Afinal, uma escola lida diariamente com centenas de pessoas que possuem distintos perfis de uso de equipamentos.

Ao utilizarem um computador ou iPad, alunos das séries iniciais precisam de recursos muito diferentes daqueles usadas pelos mais adiantados. Enquanto isso, professores necessitam de acesso a sistemas de gerenciamento e avaliação de classe. Por sua vez, administradores escolares desempenham suas tarefas com o auxílio de softwares e apps de gestão.     

Assim, para poder organizar todas essas atividades e ferramentas, torna-se imperativo que escolas utilizem bons sistemas para gerenciar seus dispositivos. É o caso do Apple School Manager, plataforma online gratuita oferecida pela marca a seus clientes da área educacional. 

Gerenciamento remoto com Apple School Manager

Com este sistema, fica muito mais fácil realizar a implementação e gestão de dispositivos. Isso porque o Apple School Manager dá às equipes de TI o poder de configurar remotamente todos os aparelhos Apple. Sejam eles Mac, iPad, iPhone, iPod touch ou Apple TV. Ou seja, tudo pode ser feito a distância – algo especialmente importante em tempos de ensino remoto.

Abaixo, confira as principais vantagens e características da plataforma:

Implementação facilitada

Associado a um serviço de MDM, o Apple School Manager permite que dispositivos sejam registrados no momento da compra. Assim, a equipe de TI da sua escola pode fazer toda a configuração do aparelho antes de ele ser entregue. Dessa forma, quando o produto for retirado da caixa, já estará customizado e pronto para uso.

Gerenciamento de apps e recursos

Seja no momento do setup inicial ou mais adiante, com o Apple School Manager sempre é possível alterar configurações. Isto é, instalar e remover apps, ferramentas e recursos nativos dos dispositivos Apple. Além disso, a plataforma possibilita a compra de aplicativos por volume e a implementação em lote – tudo de forma remota. Assim, com apenas uma ação, diversos equipamentos podem ser configurados simultaneamente, poupando tempo e dinheiro.    

Permissões de usuários

O gerenciamento do Apple School Manager permite que as configurações acima sejam vinculadas a não somente dispositivos, como também usuários. Dessa forma, quando determinado aluno fizer login num novo equipamento, acessará apenas os recursos aos quais tem permissão. Em escolas, isso é muito útil para laboratórios de informática, por exemplo. Dessa forma, dispositivos podem ser compartilhados, mas seu uso será sempre personalizado.

Gestão de contas

O sistema da Apple possibilita ainda que seja criada uma hierarquia entre os diversos perfis de usuários. Assim, as contas de alunos podem ser subordinadas à do professor responsável por aquela turma, por exemplo. Isso, antes de qualquer coisa, facilita o acompanhamento do grupo por parte do instrutor. Ao mesmo tempo, todos os perfis podem ser geridos em lotes definidos pelo setor de TI. Ou seja, é possível mudar configurações em contas definidas como “alunos do ensino básico” ou “professores” de uma só vez.

Como aderir à plataforma?

O Apple School Manager, como visto, traz inúmeras vantagens para a gestão de dispositivos em ambiente escolar. Além disso, adotá-lo em sua escola é muito fácil! Basta que o seu parque de dispositivos seja adquirido através de um revendedor autorizado Apple. No Brasil, a iPlace Educacional oferece o serviço com exclusividade. Portanto, entre em contato agora mesmo com nossos especialistas para saber mais sobre a plataforma de gerenciamento remoto da Apple! Estamos sempre à disposição para ajudar.

Foto: iStock/oatawa
Download (PDF)